Bacalhau que nunca chega


4 pessoa(s)
60 minutos
Dificuldade Médio
Caro

Bacalhau desfiado e frito, envolvido numa cebolada com presunto e batatas fritas e ovos.

Como fazer Bacalhau que nunca chega

  • 1Dê uma fervura rápida ao bacalhau. Tire-lhe a pele e as espinhas e desfie-o como para fazer pastéis. Corte o presunto aos cubinhos.
  • 2Descasque as batatas, corte-as em palha (palitos finos e pequenos), coloque-as num passador e lave-as. Enxugue-as e frite-as em óleo quente. Depois de fritas, escorra-as bem e coloque-as em papéis absorventes para lhes tirar o excesso de gordura. Tempere-as com sal.
  • 3Entretanto, descasque e pique as cebolas e leve-as a alourar no azeite. Junte o bacalhau desfiado e deixe refogar cerca de 10 minutos em lume brando. Misture o presunto e as batatas.
  • 4Bata ligeiramente os ovos e junte ao preparado de bacalhau. Mexa com um garfo até os ovos ficarem cozidos. Tempere com sal e pimenta. Sirva quente com raminhos de salsa.
Ingredientes
  • 2 postas bacalhau demolhado
  • 600 g batatas
  • 3 dl azeite
  • 2 und. cebolas médias
  • 6 und. ovos
  • q.b. sal e pimenta
  • 1 ramo salsa
  • q.b. presunto
  • q.b. óleo para fritar
Notas
É uma variante do bacalhau à Braz tendo a particularidade de levar cubos de presunto. É um prato típico da cozinha do Baixo Alentejo também chamado bacalhau à moda de Beja.